Creme Revitalizante N°1 de Chanel, o poder da camélia contra o envelhecimento

Anterior
Next

Pela primeira vez os laboratórios da Chanel desenvolveram um produto que combate com facilidade os sinais de envelhecimento e os efeitos nocivos do tempo frio. Enriquecido com ceramidas de camélia vermelha, flor carnosa, densa e radiante que surge quando o frio se instala, demonstrando uma inteligente capacidade de resistência e resiliência, o Creme Revitalizante N°1 de Chanel alisa visivelmente as rugas e proporciona suavidade e luminosidade à pele ao mesmo tempo que a protege das agressões exteriores. Os resultados são visíveis: tal como a flor da camélia, a pele resplandece de juventude.

As ceramidas são lípidos naturalmente encontrados na pele que têm um papel vital em mantê-la saudável e protegê-la dos agressores externos. Como uma espécie de cimento natural, as ceramidas criam uma barreira para a epiderme que bloqueia a humidade, impedindo a perda excessiva de água. Com o tempo, elas diminuem tanto em quantidade como em qualidade, um fenómeno que é exacerbado quando a pele é exposta ao tempo frio, secando e desenvolvendo vermelhidão. Quando a pele perde humidade, as rugas aparecem acentuadas.

Para combater este fenómeno, a Chanel aproveitou a características da camélia vermelha e aplicou-as a um novo produto de cuidado da pele. Produzido através de um processo que é 100% natural, o Creme Revitalizante N°1 de Chanel torna-se assim o novo aliado contra os sinais de envelhecimento e os malefícios do frio provando ser eficaz no combate às principais preocupações do inverno, bem como aos sinais de envelhecimento: a vermelhidão é reduzida, a pele parece menos seca e as rugas são suavizadas.

No coração do Creme Revitalizante N°1 de Chanel, o extrato de camélia vermelha atua na primeira fase de envelhecimento cutâneo, aumentando a vitalidade das células cutâneas. Visivelmente nutrida, a pele é protegida do frio por ceramidas de camélia e por um extrato de levedura derivado do género Pichia, encontrado na microbiota de camélia, que trabalham em conjunto para reforçar a sua função de barreira. Complementarmente, o óleo de camélia ajuda a manter a pele hidratada.

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Rouge Allure Velvet, de Chanel, a nova definição de vermelho

Expressão da paixão da Chanel pela cor, o vermelho, inextricavelmente ligado à história da Maison simboliza o poder e a liberdade – de movimento e pensamento – que Gabrielle Chanel visou dar às mulheres aquando da criação do seu primeiro batom em 1924.