Girard-Perregaux e Aston Martin apresentam a sua última criação: o Laureato Chronograph Aston Martin Edition

Laureato-Chronograph-Aston-Martin-Edition-6
Laureato-Chronograph-Aston-Martin-Edition-3
previous arrow
next arrow

Uma nova criação, resultado de uma parceria com uma experiência coletiva de mais de 330 anos, reside no relógio Laureato Chronograph Aston Martin Edition. A relojoaria mecânica fina e o automobilismo têm compartilhado uma longa e profícua história. Em 2021, uma parceria icónica foi oficialmente forjada entre a marca relojoeira suíça Girard-Perregaux e o fabricante de automóveis britânico Aston Martin, que agora vê mais um modelo nascer sob a sua estreita colaboração.

Um dos aspetos mais marcantes deste novo relógio é o seu mostrador na cor verde, fazendo uso do lendário tom British Racing Green da Aston Martin. Esta herança de verde remonta ao início de 1900, quando os carros de corrida de diferentes países receberam oficialmente cores diferentes. Os carros franceses foram adornados de azul, os italianos de vermelho, os belgas de amarelo, os alemães de prata e os britânicos de um tom único de verde. Esta cor acabou por ser adotada como a cor de assinatura da Aston Martin nos seus carros de corrida, desde o DBR1, com que ganhou as 24 Horas de Le Mans em 1959, aos monolugares de Fórmula 1 atuais, e pode agora ser encontrada no novo Laureato Chronograph Aston Martin Edition.

“À medida que a Aston Martin e a Girard-Perregaux fortalecem a sua parceria, o mesmo está a acontecer com o nosso ethos de design comum, voltado para o luxo discreto”, afirma Marek Reichman, vice-presidente executivo e diretor de criação da Aston Martin. “A evidência disso continua a aparecer em toques subtis em todo o relógio, por exemplo, nos seus ponteiros de horas e minutos parcialmente abertos, que foram propositadamente projetados para evocar carros de corrida, evitando materiais estranhos para oferecer desempenho superior. Da mesma forma, o ponteiro central dos segundos do cronógrafo apresenta um contrapeso que se assemelha às faixas laterais vistas pela primeira vez no Aston Martin DB4 de 1958.”

Sendo um relógio exímio em forma, textura e luz, feito sob medida para quem aprecia luxo e performance, o seu artesanato meticuloso faz referência aos veículos Aston Martin. A influência do construtor britânico surge também expressa no padrão cruzado em forma de diamante, visto pela primeira vez no logótipo AM que a Aston Martin usou entre 1921 e 1926, e que a marca continuou a aplicar no forro dos bancos dos seus modelos. Apenas 188 exemplares deste relógio serão lançados a nível mundial.

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados