Principais eventos no nosso radar a acontecer ainda este ano

Martin Margiela
Fêtes de Lumieres
Jasper Johns
previous arrow
next arrow
 

Principais eventos no nosso radar a acontecer ainda este ano

Desde consideráveis exposições a um festival de luz, eis alguns dos eventos a que pode ir nos próximos tempos.

“The Potato Eaters. Mistake or Masterpiece?” de Van Gogh
Van Gogh Museum – Amesterdão
Patente até 13 de fevereiro de 2022

Homenagem ao famoso trabalho que Vincent van Gogh concluiu em 1885, quando vivia em Brabant, nos Países Baixos. A história, contada pelas pinturas preparatórias, estudos, esboços e cartas, que estão a ser exibidas – julga-se, pela primeira vez – é de ambição, perseverança e crítica. O trabalho foi alvo de uma desaprovação quase unânime quando concluído, em 1885, mesmo entre os seus amigos mais próximos. Anos depois de “The Potato Eaters”, e após persistentes problemas de saúde mental, Van Gogh solicitou à mãe e ao irmão Theo o envio de desenhos de agricultores de Nuenen como inspiração para uma nova versão, mas o trabalho acabou por não ser concluído, porque o pintor suicidou-se em julho de 1890. Mas os desenhos preparatórios ficaram para a história e são agora exibidos como parte da exposição.

Martin Margiela, primeira exposição a solo
Lafayette Anticipations – Paris
Patente até 02 janeiro 2022

Para a sua primeira exposição individual, a Lafayette Anticipations, fundação corporativa das Galeries Lafayette, convidou Martin Margiela (1957, Leuven, Bélgica) a intervir e transformar cada um dos seus espaços. A mostra apresenta, pela primeira vez em público, mais de vinte obras do designer belga: instalações, esculturas, colagens, pinturas e filmes. A exposição em Lafayette Anticipations, concebida como uma obra de arte total, dá conti- nuidade à obsessão de Martin Margiela pela transformação. É uma exploração da existência. Invertendo os hábitos, os visitantes entram pela saída de emergência e, depois, mergu- lham num espetáculo labiríntico onde as obras aparecem e desaparecem em vários pontos de vista ao longo do caminho.

Festival das Luzes de Lyon, França (Fête des Lumieres)
De 8 a 11 de dezembro
Durante quatro noites, vários artistas iluminam edifícios, ruas, praças e parques por toda a cidade francesa. Desde a fundação de Lyon, a luz ocupa um lugar especial na cidade e, todos os anos, a 8 de dezembro, esta ligação irradia por toda a cidade. O Festival das Luzes é um evento internacional conhecido pelas suas instalações de luz temporárias, durante as quais a cidade se transforma, recuperando uma tradição popular que remonta a 1852. Graças às criações dos artistas, os edifícios da cidade servem de pano de fundo para enormes instalações mágicas de som e luz, revelando a beleza da sua arquitetura e criando magníficas paisagens noturnas.

Jasper Johns: Mind/Mirror
Philadelphia Museum of Art, Filadélfia
Whitney Museum of American Art, Nova Iorque
Patente até 13 Fevereiro de 2022 (ambos)

É a maior retrospetiva de Jasper Johns alguma vez montada. A sua dimensão é tal que acontece simultaneamente em dois museus dos EUA, distantes 160 quilómetros um do outro. A colaboração entre o Museu Whitney de Nova Iorque e o Museu de Arte de Filadélfia gera exposições geminadas, jogando com o uso de repetição e efeito espelho de Johns no seu trabalho. As exposições são cronológicas e possuem galerias que correspondem, mas não necessariamente se repetem. Cada uma delas é independente, mas não deixam de ser duas metades relacionadas que refletem, uma a outra, e fornecem uma visão rara do processo de trabalho de um dos maiores artistas do nosso tempo.

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados