Cinco canetas de luxo para uma escrita memorável

Visconti
Montblanc
S.T. Dupont
Carène
Montegrappa
previous arrow
next arrow
 

Um relatório levado a cabo pela Technavio em 2019 dizia que o mercado global de canetas de luxo geraria uma receita de mais de 2,8 biliões de dólares até 2021. Se esta previsão acertou na mouche não sabemos, mas o que é facto é que uma das tendências do mercado são canetas cada vez mais luxuosas nos seus acabamentos, em edições limitadas e de homenagem, com silhuetas e gravuras lindas e a ainda a sua personalização. Porque também nós somos fãs de uma caneta especial, fomos à procura daquelas cinco que ajudarão a tornar a sua escrita, todos os dias, ou em ocasiões comemorativas, um momento sempre especial.

1. A nova versão da coleção Opera Master da Visconti é inspirada nas paisagens fascinantes da savana africana, onde leões, zebras, gazelas e elefantes vagam no silêncio primitivo da selva. África é um pensamento, uma emoção, quase uma oração – disse Claudia Cardinale. África é sempre uma inspiração, acrescentamos nós. Savanna é a versão de tamanho grande da coleção icónica Opera e apresenta um sistema de fecho patenteado da Visconti e, na versão caneta-tinteiro, o icónico sistema de enchimento de reservatório Power Filler Double.

2. Montblanc, Patron of Art Homage to Napoléon Bonaparte, presta homenagem a Napoleão Bonaparte, figura histórica cuja vida teve um impacto de longo alcance. O design desta peça é inspirado no estilo neoclássico. A laca azul é inspirada no uniforme azul que usava como cônsul, já que esta edição comemora a sua época de cônsul francês. A espiral do corpo é uma homenagem à Coluna de Vendôme original. O clipe em forma de espada tem o “N” napoleónico. As gravuras no topo da tampa – uma coroa de louros, uma coroa imperial e uma águia – referem-se à insígnia de coroação de Napoleão. A tampa é coroada pelo emblema da Montblanc em madrepérola. A extremidade do clipe é decorada com uma granada vermelha que lembra o anel de coroação da esposa de Napoleão, Joséphine. Em ouro maciço.  

3. A S.T. Dupont decidiu homenagear os profissionais de saúde de todo o mundo com o lançamento de uma nova caneta decorativa Hippocrate. Esta coleção especial usa laca preta com acabamentos em ouro e presta homenagem ao filósofo grego e o pai fundador da medicina moderna, Hipócrates. Debaixo do clipe da caneta, vislumbra-se uma cobra gravada na laca que representa o bastão de Asclépio, símbolo médico usado em todo o mundo. A Caneta-tinteiro é feita com laca preta e tem acabamento em ouro amarelo.

4. Da Carène, versão Deluxe GT preta e prata, inspirada no design de barcos de luxo, trabalhada em materiais nobres, com toda a atenção aos detalhes, curvas puras e fluidas a evocar as linhas mais elegantes de um veleiro ou iate de luxo. Destaque para a opção do uso de laca preta profunda, uma fina tampa prateada cinzelada semelhante a uma joia e acabamentos dourados, ponta em ouro maciço 18 K altamente polido e moldado num bico aerodinâmico exclusivo. Clipe em ouro 23 K.

5. David Bowie Blackstar, assim é designada a edição da limitada da Montegrappa que presta uma elegante e luxuosa homenagem àquele que durante décadas se manteve na vanguarda do som e da visão: David Bowie, o ícone da cultura. A marca reflete sobre a carreira de Bowie através das lentes de ★, também conhecido como Blackstar – o seu dramático trabalho final. Acabamentos intrincados em ruténio e um estilo ultramoderno são as marcas de uma silhueta feita à imagem do próprio homem: enigmática, meticulosamente trabalhada e firmemente à frente do seu tempo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

/ Artigos Recentes

Artigos Recentes