Alexandra Gil, “entregamos o sonho”

Damos as boas-vindas a mais um membro do F Club, desta feita na área do design e da arquitetura dos interiores, que atua em todas a frentes do setor. From zero to hero! Do esboço ao projeto acabado, Alexandra e a sua equipa de colaboradores entregam o sonho. O de uma cozinha, de um closet, de uma casa inteira, se necessário, equipada com tudo o que é fundamental para o seu usufruto pleno. Entre cimento e tijolos, plantas e reuniões, e num universo ainda dominado pelo homem, Alexandra Gil, a partner e CEO do Groupnew, é uma mulher que abraça muitas tarefas, sem medo de ir à luta, com vontade férrea, proativa e criativa.

Fundou a sua própria empresa – Alexandra Gil Arquitectura de Interiores – no início dos anos 90. O que mudou desde essa altura? Que novos serviços a empresa oferece hoje?

Tem havido grandes mudanças desde então. As alterações na economia acabam por abrir outras janelas de negócio, às quais devemos estar atentos, e devemos aproveitar, para efetuar mudanças e definir outros objetivos. A minha empresa iniciou com uma marca de cozinhas e assim se manteve durante muitos anos. Com a investida das crises económicas fui alargando o meu leque de serviços, até chegar a uma zona de conforto para o nosso cliente, porque no Groupnew ele poderá encontrar a solução para todas aa necessidades relacionada com a sua casa e com o seu bem-estar.

Por que escolheu esta área da casa, no seu universo mais amplo?

A minha formação é na área de interiores e já muito antes disso acompanhava uma das áreas de negócios da minha família, a da construção, como tal sempre residiu aí a minha zona de conforto. Gosto de criar, de imaginar e de executar o melhor dos melhores.

Como é hoje vista a casa, que funcionalidades e características são mais pedidas e prementes dos espaços de habitação?

Uma das áreas mais requisitadas tem sido a cozinha, dada a sua envolvência entre família e amigos. Hoje, este é um ponto de encontro, espaço de tertúlias, de lágrimas e risos. Deixou de ser um lugar apenas de serviço, passando a ser um espaço com um caráter muito especial. Outra das áreas com grande procura tem sido a dos roupeiros e closets. A implementação dos espaços definidos para cada um, em especial, estudado ao pormenor. A arquitetura aborda atualmente os espaços necessários à criação de closets personalizados, bem como espaçosos e pensados roupeiros. Estudamos, lado a lado com os nossos clientes, as suas necessidades ao nível das roupas e acessórios para que o resultado final do projeto fique perfeito e de acordo com o pretendido. Outra área das áreas, designada Newhouse, é a do trabalho de construção civil. E esta complementaridade é fundamental para o sucesso do nosso trabalho. Os nossos clientes veem desta forma abordadas todas as áreas que dizem respeito à casa: Começa na Newestate, com a venda do terreno ou da habitação, prossegue com a Newhouse, onde é feito o projeto de arquitetura e de interiores, e termina com a obra de construção ou de reabilitação, e para tal contamos com as nossas equipas especializadas em cada área de intervenção.

Quais as ferramentas essenciais para alcançar o sucesso?

Vontade, perseverança, garra, força e, acima de tudo, ser feliz no que se faz

Qual é a sua experiência mais memorável enquanto empresária?

Todos os projetos são sempre desafiantes, uns mais do que outros, mas dou como referência o nosso trabalho de cozinhas e roupeiros nos apartamentos do edifício Intercontinental, em Cascais, com a execução de projeto de decoração de interiores em vários apartamentos no mesmo edifício – um deles, pertença de alguém do futebol bem conhecido do público… -, e o projeto de uma quinta em Santarém para um cliente angolano, que é o nosso exemplo de um projeto “all inclusive”.

Qual foi o maior obstáculo que alguma vez enfrentou?

São vários os obstáculos com que me deparo diariamente, mas o caminho é sempre em frente. Um deles, talvez o maior, foi uma outra quinta que fiz para um cliente estrangeiro, de raiz, com 12 suítes, cinco cozinhas (na realidade eram cinco casas dentro da propriedade), com uma área de construção de 3.000 m2, que foi feita e entregue decorada, com roupa de cama e de banho, louças, talheres e até um almoço preparado para a chegada dos clientes, além de uma equipa de empregados, contratados e fardados, e previamente formados ao gosto dos clientes. Tudo isto feito em seis meses. O projeto iniciou em junho e foi entregue no início de janeiro. A obra era em Santarém, longe de casa, por isso íamos e vínhamos quase diariamente, de forma a poder cumprir o pretendido cronograma de obra. Os meus colaboradores foram, e são, sempre pessoas fantásticas, de uma dedicação extrema e da máxima importância.

Outra das dificuldades prende-se com algum, ainda existente, machismo, em relação à presença de uma mulher dura, no meio dos cimentos e dos tijolos, onde nem sempre a comunicação com os homens, que ainda veem a mulher como uma ameaça à sua tranquilidade na sua forma de trabalhar, é fácil ou respeitada. Como sabemos, as mulheres são altamente profissionais, dedicadas e perfecionistas, põem grande ênfase nos pormenores, que é somente o mais importante para o resultado final de uma obra perfeita.

De que forma usa os diferentes canais de social media para divulgar a sua empresa e trabalho? E quais os que usa atualmente?

Redes sociais, site, networking e muitos clientes satisfeitos onde prevalece o “passa-a-palavra”.

Como concilia a vida empresarial com a vida pessoal?

É muitíssimo difícil. Ser o patrão dedicado exige muito de mim. Às vezes a família reclama, mas entende que tem de ser assim, porque as pessoas responsáveis dedicam-se às suas empresas, que, no fundo, são as segundas casas. Sempre que posso, fujo para estar mais presente, em especial agora que se aproxima o primeiro neto.

O que a inspira?

Os desafios desta atividade e a vontade de ver o produto final completo na sua beleza.

Que conselhos daria a outras mulheres que estão agora a iniciar uma vida empresarial?

Dediquem-se de alma e coração. Sejam persistentes, lutem, não desanimem, ainda que encontrem uma tempestade, ela passará e vem a bonança. Em frente é o caminho.

O GroupNew divide-se nas seguintes empresas e áreas de atuação:

  • NEWKITCHEN Cozinhas Roupeiros
  • UNLIMITED SURFACES transformação de Corian & Similares
  • NEWHOUSE Arq. Interiores
  • NEWCONCIERGE Personal VIP services
  • NEWESTATE Real Estate
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados