Imagination, a sétima fragrância Les Parfums Louis Vuitton é masculina

Les Parfums Louis Vuitton inaugura um novo capítulo na história dos seus perfumes com o lançamento da sua sétima fragrância, desta feita para homem. Imagination é a nova criação excecional do Mestre Perfumista da Maison, Jacques Cavallier Belletrud, concebida no seu atelier, em Les Fontaines Parfumées, em Grasse.

LouisVuittonImaginationandTravelCase
LouisVuittonImagination
previous arrow
next arrow

Imagination é a essência da ousadia, a medida de todo o sucesso. A centelha criativa que impulsiona os arquitetos da beleza do mundo, aqueles que perseguem até os sonhos mais selvagens para dar lugar a coisas maravilhosas e construir um futuro melhor. Uma imaginação ilimitada, alimentada por viagens, por experiências pessoais que mudam a vida. Uma forma de ser e de estar, de amar e perceber o mundo que nos rodeia. O espírito eleva-se, escapa e conquista novos caminhos de liberdade.

A atração sem precedentes do âmbar e do chá. Gravado no DNA da Louis Vuitton, a imaginação e a criatividade têm guiado Jacques Cavallier Belletrud no seu trabalho desde sempre, incitando-o a exceder constantemente os limites da sua arte. “Durante cinco anos, sonhei em revelar a beleza do âmbar cinza e expressar a quintessência da sua nota de âmbar de forma atual e sem nostalgia” – explica o Mestre Perfumista. Para lhe conferir uma ressonância contemporânea, Belletrud decidiu usar Ambrox, o verdadeiro ouro branco da perfumaria, uma molécula presente no seu estado natural no âmbar cinza. Excelente na arte do contraste, para Jacques Cavallier Belletrud a tensão traz plenitude, excesso, equilíbrio de um acorde perfeito. Aqui, o Ambrox desdobra-se em contacto com os cítricos mais nobres. A bergamota calabresa, a laranja e o cedro sicilianos difundem uma luz radiante.

A sua frescura é realçada pelo brilho floral e verde do néroli tunisino. Juntos, desenham uma paisagem exuberante mediterrânica que surge à luz do amanhecer. Só então as especiarias fazem tudo chiar. O gengibre nigeriano, extraído com dióxido de carbono, e a canela de Ceilão, cada um à sua maneira, amplificam e energizam as facetas frescas ou intensas da composição. Para enfatizar ainda mais o contraste, Jacques Cavallier Belletrud selecionou um excecional e precioso chá preto da China, também extraído com dióxido de carbono, com notas de erva, palha e com um final levemente esfumaçado. “O chá evoca a magia do Oriente, uma cena imaginária de caravanas. Carrega em si o espírito da viagem, como uma transcrição olfativa do universo Louis Vuitton” – revela Belletrud. Tal como um mago, a substância atribui complexidade e abraça a nota de âmbar com alguns toques de madeira Guayacan e incenso. “O âmbar puro, sensual e sofisticado torna-se então a pura essência do perfume e a expressão de uma elegância masculina muito contemporânea” – conclui.

Toda uma excelência criativa ao serviço da beleza e da emoção. Imagination, de Les Parfums Louis Vuitton marca um encontro extraordinário com os nossos sentidos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

/ Artigos Recentes

Artigos Recentes