Destinos e experiências inesquecíveis

previous arrow
next arrow
Slider

Mais do que visitar apenas um destino, interessa ao viajante, sobretudo, viver novas experiências de forma a tornar cada viagem num momento único e memorável. A F Luxury fez um levantamento exclusivo, em Portugal e no estrangeiro, a pensar em todos os que procuram inspiração para as suas próximas férias. Alguns dos nomes desta A-list integram o leque de 1000 destinos a conhecer antes de morrer.

Destinos

Explorar Valeta, a capital de Malta

Valeta é a mais pequena capital da União Europeia e o maior centro financeiro e comercial de Malta. Tendo uma grande concentração de áreas históricas – os muitos monumentos espalhados fazem da cidade um dos locais com maior densidade histórica do mundo – este é um destino altamente atraente para quem gosta de recuar no tempo e deambular com calma pelas suas ruas entre as muralhas, visitando e fotografando os edifícios e marcos históricos, igrejas, palácios, estátuas, jardins, brasões, entre outros. Não admira que Valeta seja frequentemente considerada um museu ao ar livre e, em 1980, classificada Património Mundial de Malta pela UNESCO.

Nas artérias principais da cidade pode encontrar as melhores lojas para fazer compras em Malta, com marcas internacionais de moda, música, joalharia, entre outras. Sugere-se, ainda, provar a deliciosa gastronomia local, nos vários e pequenos pitorescos cafés ou restaurantes. Descubra esta “pérola” do Mediterrâneo e deixe-se surpreender.

Conhecer a Patagónia e a Terra do Fogo

Esta é uma viagem mítica que percorre as mais belas paisagens da Argentina e do Chile. A Terra do Fogo é formada por um conjunto de ilhas, localizadas no extremo meridional da América do Sul, uma espécie de continuação insular da Patagónia, que percorre quase 2200 quilómetros. Apesar do clima inóspito, com temperaturas próximas ou abaixo de zero graus durante quase todo o ano, a região é habitada há mais de 10.000 anos.

As belezas naturais da região, o seu principal atrativo, podem ser conhecidas em passeios feitos a partir de Ushuaia, a cidade mais austral do planeta, que se orgulha de ser chamada de “Ciudad del Fin del Mundo”. A partir de Ushuaia é possível passear de barco pelo Canal de Beagle, o mesmo percorrido por Darwin e Fitz Roy no século XIX. As ilhas do canal, verdadeiras reservas de fauna marinha, são habitadas por focas, lobos e elefantes marinhos, pinguins, cormorões (ou corvo-marinho) e outras aves. O Parque Nacional Tierra del Fuego, de visita obrigatória, oferece vistas espetaculares, de lagos e montanhas e é considerado um paraíso para os amantes da natureza, com cenários formados por montanhas, picos nevados, vulcões, rios, lagoas e glaciares. Uma paisagem exótica onde é possível contactar com a natureza de forma inesquecível e guardar para sempre na nossa memória.

Descobrir Talin, na Estónia

A cidade medieval mais bem preservada da Europa é um destino a não perder. A pequena Talin remete-nos para os tempos medievais, quando a região fazia parte da rota comercial que ligava a Escandinávia à Rússia, sendo uma das cidades mais antigas da Europa Setentrional e, atualmente, a maior da Estónia. O seu centro histórico, classificado Património Cultural da Humanidade pela UNESCO e designado Vanalinn, é de uma beleza ímpar, rodeado por uma imensa muralha e grandes torres (algumas visitáveis), e está dividido em duas partes:

a cidade baixa e a cidade alta (Toompea). Logo que se atravessa o Portal de Viru, convém caminhar sem destino pelas ruelas e ir descobrindo a cidade, vagarosamente. Não importa a direção, há sempre alguma coisa interessante para ver. Perto da Praça Raekoja encontram-se outros pontos turísticos importantes, como a Passagem de Santa Catari- na (Katariina Käik) ou o Pátio dos Artesãos (Meistrite Hoov). Por todo o centro histórico há igrejas que merecem visita. Na parte baixa da cidade destacam-se a Igreja do Espírito Santo (Püha Vaimu Kirik), a Igreja e Museu de São Nicolau (Nigukiste Muuseum) e a Igreja de São Olavo (Oleviste Kirik).

Um dia na ilha de Nusa Lembongan

Nusa Lembongan, na Indonésia, é um local mágico para descobrir numa viagem, a tão só 30 minutos de barco de Bali. É uma perfeita imersão no paraíso, pois encerra, ainda, o que Bali já não tem: a virgindade de uma ilha pouco habitada, com paisagens de tirar o fôlego e o sossego natural de um destino menos explorado do que a sua cosmopolita vizinha, um predicado a reter.

Nusa Lembongan tem muitas praias (Mushroom Beach, Dream Beach, Jungut Batu Beach e Sandy Bay), todas magníficas, e alguns pontos propícios para o mergulho e snorkeling, que fazem as delícias dos amantes da natureza. A água é de um tom azul deslumbrante e a variedade da vida marinha é fantástica. O surf e o trekking também são outras atividades praticáveis na ilha.

Um local mágico onde a força das ondas promove um espetáculo maravilhoso é Devil’s Tear (As lágrimas do Diabo), que não tendo um dos nomes mais convidativos é um spot a não perder. A Mangrove Forest é uma extensa floresta de mangues maduros que pode ser explorada em silêncio, num barco local, dona de uma fauna e flora ímpares. Além de todos estes pontos, mesmo numa ilha tão pequena, não pode deixar de visitar os locais da moda, como o Le Pirate, em Ceningan, ou o Deck, dois bares que, com requinte e bom ambiente, surpreendem. O restaurante Lemongrass, com um cardápio variado, ou o Bali Eco Deli, com opções saudáveis e sumos, são boas opções quando a fome aperta. Nusa Lembongan pode bem ser o final feliz de quem viaja para Bali…

Experiências

Sobrevoar o Alentejo num balão de ar quente

Parta à descoberta das muitas mudanças que a barragem de Alqueva gerou na oferta de lazer desta região. Pelo ar, deixe-se encantar pelo “novo” Alentejo. Sobrevoar a planície alentejana desde o alto é uma experiência verdadeiramente única e inesquecível. Os voos de balão são realizados ao nascer do sol, de fevereiro até final de outubro, e de novembro até março realizam-se ao nascer e ao pôr do sol.

Existem várias empresas a realizar passeios de balão no Alentejo, mas a UP Alentejo proporciona uma experiência única e exclusiva com o programa “Luxury”, que permite uma personalização de todos os pormenores, e oferece um conjunto de experiências, antes, durante e depois do voo.

Nadar com os golfinhos nos Açores

Na ilha Terceira é possível embarcar numa incrível aventura de snorkeling com grupos de golfinhos selvagens no seu habitat natural. Após os preparativos e procedimentos de segurança, é feita uma breve simulação na baía de Angra do Heroísmo, para a natural familiarização com o equipamento e aprender a melhor forma de entrar na água – a fim de minimizar o impacto sobre os golfinhos –, e de modo a usufruir de um passeio divertido e seguro. Uma vez nas águas cristalinas do oceano Atlântico, ouvir os golfinhos selvagens e observá-los de perto, irá fazer da sua experiência algo memorável. A OceanEmotion é uma das empresas certificadas que proporciona esta atividade.

Fazer praia no Dakar, Senegal

O Senegal está a tornar-se um destino cada vez mais popular e de excelência. Possui uma capital cosmopolita – Dakar – com uma série de atrações suficientes para justificar alguns dias de estadia, sendo as praias próximas um deles. Ngor é uma pequena ilha de pescadores que respira tranquilidade e fica localizada apenas a 20 minutos de Dakar, acessível por piroga pública, com partidas e chegadas na praia principal. Pode, de igual forma, e como complemento, visitar as praias de Saly Portudal ou da ilha de Gorée, Património Mundial da Unesco.

Visitar o Lago Bled, na Eslovénia

Considerado um lugar único no mundo, o Lago Bled é uma das principais atrações turísticas da Eslovénia. Muitos dizem parecer saído de um conto de fadas, em boa parte devido às suas águas esverdeadas que rodeiam uma ilhota, onde se ergue a igreja de Nossa Senhora da Assunção. É possível dar a volta a todo o lago em pouco menos de duas horas, e fotografá-lo de vários ângulos ou, simplesmente, contemplar a sua beleza e admirar as vistas. Para além de dar a volta ao lago, também vale a pena alugar um barco e ir até à ilha de Bled. Nas margens do Lago Bled, é possível visitar a antiga residência de verão de Tito, o antigo presidente da extinta Jugoslávia, onde hoje funciona o Hotel Vila Bled. Uma vez ali, o pátio do Café Belvedere merece uma visita, pois está situado no topo de um morro, com vistas fantásticas sobre o Lago Bled. No alto de uma montanha rochosa, em frente ao plano de água, um castelo medieval completa o cenário. Com mais de mil anos de existência e diversos estilos arquitetónicos, a sua vista é privilegiada, pois pode avistar a totalidade do lago, a sua ilhota e as várias montanhas que cercam a região.

Por João Libério

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

/ Artigos Recentes

Artigos Recentes