Gastronomia molecular

Quando a ciência se alia à cozinha

A crescente consciencialização do papel vital da alimentação na nossa saúde e bem-estar, aliada à curiosidade de experimentar pratos novos e inovadores, incentivaram o desenvolvimento da cozinha molecular; que, ao contrário do que se possa pensar, não é um conceito recente. Este tipo de cozinha, que usa princípios científicos para confecionar os alimentos, foi apresentado, pela primeira vez, em 1969, pelo físico húngaro Nichola Kurti, no entanto, só agora, já durante o século XXI, é que a cozinha molecular ganhou o merecido protagonismo, com o surgimento de novos movimentos gastronómicos. Alguns dos restaurantes mais prestigiados do mundo têm na origem das suas ementas as técnicas da gastronomia molecular, desenvolvidas por chefs renomados que têm merecido a distinção de várias estrelas Michelin. Alguns destes restaurantes têm mesmo laboratórios de cozinha, onde os chefs, fazendo uso do talento e da criatividade, experimentam as criações mais inesperadas. Eis o roteiro que preparámos para si.

 

BELCANTO

Onde: Lisboa

Chef: José Avillez

Com duas estrelas Michelin, o Belcanto é o laboratório onde o chef português José Avillez aplica todas as suas técnicas de alta cozinha. Na sua cozinha, trabalham-se produtos de luxo e algumas tradições portuguesas são reinventadas.

Saiba mais em: www.belcanto.pt

LOCO

Onde: Lisboa

Chef: Alexandre Silva

Com um conceito fine dining de cozinha de autor, o Loco oferece uma proposta gastronómica especial, onde a tradição se cruza com a inovação. Na cozinha, valorizam-se os produtos nacionais que variam de acordo com as micro estações. O chef Alexandre Silva eleva as referências da gastronomia nacional a um outro nível conceptual, através da pesquisa e da experimentação de novos procedimentos. 

Saiba mais em: www.loco.pt

THE FRENCH LAUNDRY

Onde: Yountville, Napa Country, Califórnia (Estados Unidos da América)

Chef: Thomas Keller

Com três estrelas Michelin, o The French Laundry é um dos restaurantes mais premiados do mundo. A sua ementa propõe uma experiência gastronómica única, inspirada na cozinha francesa e influência norte-americana. Com um cardápio de degustação sublime, há pratos sazonais e de assinatura. As Ostras e Pérolas, um sabayon de ostras e caviar, é um dos pratos-estrela do chef Thomas Keller. Para maximizar o efeito surpresa, nenhum ingrediente é repetido em nenhuma refeição.

Saiba mais em: https://www.thomaskeller.com/tfl

THE FAT DUCK

Onde: Bray (Reino Unido)

Chef: Heston Blumenthal

 

O chef britânico Heston Blumenthal está atualmente na vanguarda deste estilo de cozinha. O seu restaurante The Fat Duck tem três estrelas Michelin e está entre os 50 melhores restaurantes do mundo. Os princípios da ciência alimentar são aplicados em pratos que remetem para as férias de infância do chef numa ementa que combina nostalgia e criatividade.

Saiba mais em: www.thefatduck.co.uk

MISTRAL  

Onde: Grand Hotel Villa Serbellione, em Bellagio (Itália)

Chef: Ettore Bocchia

Detentor de uma estrela no Guia Michelin, o restaurante Mistral é dirigido pelo chef Ettore Bocchia, o principal especialista em cozinha molecular em Itália. A ementa propõe pratos de inspiração tradicional e um cardápio de degustação de cozinha molecular. Um almoço ou um jantar no Mistral oferece uma experiência incomum e tentadora onde a tradição se alia à inovação.

Saiba mais em: www.villaserbelloni.com

 

EL BULLI 

Onde: Barcelona (Espanha)

Chef: Ferran Adrià

O restaurante El Bulli já foi distinguido como o melhor restaurante do mundo pela revista gastronómica britânica «Restaurant», ocupando a primeira posição na lista dos 50 melhores restaurantes do mundo. O restaurante é propriedade do famoso cozinheiro espanhol Ferran Adrià, conhecido como o «alquimista da cozinha», devido à criatividade com que confeciona os seus pratos, através do uso das novas tecnologias e da experimentação de texturas e sabores inesperados. Entre outubro e março, o El Bulli está encerrado. Esta é a altura do ano em que o chef Adrià aperfeiçoa as suas receitas no laboratório El Taller, em Barcelona.

Saiba mais em: www.elbulli.info  

SAINT PIERRE

Onde: Singapura

Chef: Emmanuel Stroobant 

Localizado na Marina Bay, a zona mais emblemática de Singapura, o Saint Pierre é um moderno restaurante francês do renomado chef belga Emmanuel Stroobant, já distinguido com inúmeros prémios: como o «The Best New Restaurant», o «Most Innovative Menu» ou o Prémio de Excelência, atribuído pelo World Gourmet Summit. Emmanuel Stroobant propõe uma cozinha saudável de alta qualidade, com base em ingredientes frescos e orgânicos, que compõem as suas criações.

Saiba mais em: www.saintpierre.com.sg

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

/ Artigos Recentes

Artigos Recentes