A nova geração da La Mer

Regenerating Serum combate os agressores externos

A regeneração e o processo metabólico natural da fermentação sempre estiveram no coração de La Mer. Inspirado pelo mar e pelo poder extraordinário de plantas marinhas, o fundador da marca, Max Huber, concentrou a sua investigação na planta com mais capacidades regeneradoras, a Macrocystis Pyrifera (ou alga marinha gigante), que pode crescer até mais de um metro por dia. Com a visão de explorar o incrível poder desta planta marinha, Huber aproveitou o poder da fermentação para transformar esta alga e outros ingredientes puros, utilizando a energia da luz e do som para criar o lendário Miracle BrothTM – um poderoso elixir, enriquecido com propriedades calmantes para suavizar a irritação.

A inflamação é provocada por agressores externos, tais como os raios UV, que levam à deterioração de colagénio e elastina, causando a formação de linhas e rugas. As investigações mostram que a inflamação crónica é uma causa direta do envelhecimento prematuro da pele. Pesquisas recentes confirmam ainda que o combate à inflamação é fundamental para ajudar a prevenir os sinais de envelhecimento, preservando o colagénio e a elastina existentes.

Uma década depois do lançamento do poderoso Regenerating Serum, a La Mer apresenta uma nova versão, com uma fórmula avançada que suporta a energia metabólica natural da pele para ajudar a sua renovação visível. Este novo sérum ajuda a aumentar a produção natural de colagénio para uma pele mais jovem e suave.

O novo Fermento Metabólico, com uma concentração de ingredientes de células-troco de plantas, glutationa e nicotinamida, ajuda a pele a aumentar o seu colagénio natural para reduzir rapidamente a aparência de linhas e rugas. Combinando esta inovação com uma quantidade adicional do lendário elixir Miracle Broth e Concentrate Miracle BrothTM, este novo sérum acelera a renovação visível, enquanto combate a aparência de vermelhidão e de outros sinais de inflamação, reduzindo a aparência dos poros e oferecendo mais firmeza à pele.

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

/ Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

/ Artigos Recentes

Artigos Recentes